segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Pai mata filha após ouvir que ela não era sua filha

Fonte: G1 - 

O pai que confessou ter matado a filha de dois anos com tiros de espingarda prestou depoimento na manhã dessa segunda-feira (23) à polícia. “Essa peste tá infernizando minha vida, disse que a menina não é filha minha. Eu sei lá [o que motivou o crime], deu uma doidice na minha cabeça”, disse aos policiais fazendo referência à mãe da criança, de quem está separado há cerca de dois meses. Os policiais tomaram o depoimento no Hospital Regional de Pombal, onde o homem de 34 anos está internado. Ele atirou em si mesmo após matar a filha, mas não corre risco de morte.

O crime aconteceu na tarde do domingo (22) na cidade de São Bentinho, Sertão da Paraíba.
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário