segunda-feira, 3 de novembro de 2014

Mulher é condenada a 1 ano de prisão no Irã por tentar ver jogo de vôlei

Fonte e Foto: G1
Campanha on-line pede libertação de Ghoncheh Ghavami (Foto: Free Ghoncheh Campaign/AP)

Um tribunal do Irã condenou a um ano de prisão uma mulher com dupla nacionalidade, iraniana e britânica, por tentar ver uma partida de vôlei, o que viola as leis de segregação que proíbem mulheres de assistir a eventos esportivos masculinos, informou seu advogado neste domingo (2).

Ghavamí, de 25 anos, estudante de Direito na Universidade de Londres e graduada na Escola de Londres de Estudos Orientais e Africanos (SOAS), foi detida em 20 de junho após ir com várias ativistas dos direitos das mulheres a uma partida da seleção iraniana de vôlei no estádio Azadi de Teerã.

As jovens se manifestaram fora do centro esportivo exigindo liberdade para que as mulheres possam comparecer como público a este tipo de evento.
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário